Mediações com o IPA e Perpart seguem para terceira audiência
17/01/2018 | 04h:54

Diretorias das duas instituições alegaram estar aguardando posicionamento da SAD

As segundas audiências de mediação entre o Sintape e as diretorias do IPA e da Perpart, no Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), no último dia 11, não finalizaram o processo de negociação entre as partes. Uma terceira rodada de mediação foi marcada para o dia 19 de fevereiro e o sindicato espera que os pontos em reivindicação sejam atendidos, mesmo antes das reuniões no MTE.

A diretoria da Perpart alegou que havia encaminhado as propostas feitas pela base para a Secretaria de Administração do Estado (SAD), mas até o momento da audiência não tinha recebido qualquer retorno. Portanto, não poderia fechar nada com o sindicato sem o aval da pasta governamental. Tão logo haja resposta da SAD, ela será comunicada ao Sintape, conforme garantiram os diretores da Pernambuco Participações S.A.

Assim que tiver algum posicionamento da esfera governamental, a entidade sindical marcará uma assembleia para discutir com os trabalhadores a resposta da Secretaria. O sindicato espera que o Governo dê um retorno antes da audiência. Se isso acontecer e a assembleia aprovar a contraproposta, a terceira mediação no MTE será desmarcada.

O mesmo acontecerá com o IPA. Na segunda audiência, a diretoria do Instituto alegou não ter novidades para apresentar ao sindicato desde a realização da primeira mediação, em 13 de dezembro de 2017. A instituição também depende do posicionamento da SAD sobre a pauta dos seus servidores, encaminhada para a Secretaria pela diretoria do IPA.

O Sintape aguarda respostas das duas entidades para apreciar as contrapropostas e discutir com as duas bases. “Por enquanto, nada de concreto foi nos enviado. Estamos aguardando e pressionando as duas instituições, bem como o Governo, para nos dar uma resposta. Os trabalhadores merecem respeito e estamos na luta para defender seus direitos. É um absurdo o tratamento deste Governo com o funcionalismo público!”, lamentou Adailton Melo, presidente do Sintape.

Sindicato forte depende da união da base!

Redação Sintape

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

linksÚTEIS

Copyright © 2017 | Todos os direitos reservados ao Sintape