Situação do IPA foi amplamente discutida na Alepe
15/05/2018 | 02h:34

 

Situação do IPA foi amplamente discutida nesta segunda-feira, 14, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). A Audiência Pública, proposta pela deputada estadual, Socorro Pimentel, reuniu funcinários do Instituto, representantes de entidades e associações ligadas à Agricultura Familiar de Pernambuco e de outros Estados, vereadores do interior pernambucano, deputados, CUT/PE e representante da Faser.

Na manhã do dia 14, foi realizada uma audiência pública, na Assembleia Legislativa, para debater o sucateamento do Instituto Agronômico de Pernambuco – IPA e as más condições de trabalho impostas aos servidores. Discutimos também a queda nos investimentos destinados à instituição, uma média anual de 30%, além da falta de assistência ao homem do campo . Tudo isso tem impactado de forma direta na execução de pesquisas, na extensão rural e na infraestrutura dos recursos hídricos, prejudicando a agricultura familiar no Estado.

A falta de investimento também tem refletido na questão salarial dos servidores que estão sem reposição há quatro anos, tendo, em média, 10% dos empregados ganhando um salário-base abaixo do salário mínimo. Um levantamento recente, feito pelo Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Agricultura e Meio Ambiente do Estado de Pernambuco (Sintape), após uma série de visitas realizadas nos postos do IPA, identificou diversas irregularidades. Imóveis com aluguéis, contas de água e luz em atraso; ambientes tomados por infiltrações e sem ventilação; banheiros impróprios para uso; além de infestações de pragas como ratos e baratas, entre outras precariedades que foram encontradas.

O auditório ficou lotado!

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

linksÚTEIS

Copyright © 2017 | Todos os direitos reservados ao Sintape